Implementação do sistema fotovoltaico

Implantação passo a passo

Veja abaixo o detalhamento do processo de implementação do sistema fotovoltaico:

Primeiros Passos

Para começar, você solicita um orçamento para o seu sistema solar aqui, nossa equipe de atendimento retornará em até 24h com mais detalhes.

Projeto de Implantação

Assim que você aprovar o pré-orçamento ou decidir gerar sua própria energia iremos projetar um gerador fotovoltaico específico para as suas necessidades de consumo e arquitetura. Agendaremos uma visita no local para levantamento de dados para que o projeto obedeça todas as normas técnicas assim como se adeque na melhor forma com seu projeto arquitetônico. Nós seremos responsáveis por elaborar toda a documentação para cadastro do sistema de energia solar fotovoltaico na concessionária de energia responsável.

Instalação

Após a conclusão e aprovação do projeto de implantação, nossa equipe técnica instalará o sistema solar fotovoltaico no seu imóvel. Nossos profissionais são altamente qualificados e seguem todas as normas de segurança. Seu sistema será instalado de forma segura e eficiente.

Conexão de rede

A Addsol será responsável pela elaboração e registro do projeto de micro geração solar fotovoltaico na concessionária de energia da sua região, gerando toda a documentação necessária conforme a RN 687/15 da ANEEL. Depois da vistoria da conexão pela concessionária de energia, é só ativar o sistema. Iremos ligar o seu sistema e verificar se tudo está funcionando perfeitamente. Em seguida, você já estará produzindo energia limpa, economizando dinheiro e colaborando com a preservação do meio ambiente.

Monitoramento

Com os sistemas implantados pela Addsol, você passa a monitorar a geração fotovoltaica de qualquer lugar com um PAD ou smartfone. É a energia solar gerando economia na sua conta de luz.

Resultados

A Energia Solar é mais barata que a energia que você compra da rede. Se você pegar todo o custo de investimento em energia solar somar isso com a manutenção mínima que terá ao longo de 25 anos e dividir esse valor pela energia gerada pelo gerador fotovoltaico o preço que você pagou pela energia solar é mais barato que o da concessionária. Veja abaixo um exemplo prático:

No exemplo prático

Por exemplo, no caso de um consumo mensal de 880 kWh/mês, considerando 22% de perdas inerentes aos sistemas fotovoltaicos, recomendamos um gerador fotovoltaico de 8 kWp. Vamos calcular os custos de um sistema fotovoltaico 8,00 kWp em SP, com limpeza anual dos módulos e uma substituição do inversor de frequência no período de 25 anos:

Investimento: R$ 55.000,00

Manutenção 25 anos: R$ 27.000,00

Custo total (Ct): R$ 82.000,00

Energia Gerada em 25 anos (Eg), considerando-se degradação dos módulos conforme a garantia dos fabricantes: Eg = 225.000 kWh (aprox)

Cálculo:

Custo total do sistema ''Ct'' (Investimento + Manutenção) dividido pela Energia Gerada em 25 anos ''Eg'';: Ct/Eg = R$82.000,00 / 225000 kWh = R$0,36/kWh

Em São Paulo, a energia residencial que você compra está custando R$0,75/kWh (aprox.). Ou seja, a energia solar é mais barata que a energia da rede elétrica. Não só em SP, mas em todos os estados Brasileiros, que tem uma tarifa da ordem de R$0,70/kWh.

Em resumo, para os 25 anos:

Custo do investimento solar: R$0,36/kWh

Custo energia em São Paulo: ~R$0,75/kWh

Custo energia no Brasil: ~R$0,70/kWh