Perguntas Frequentes

Ao contatar a AddSol, você tem ajuda de um de nossos consultores que fará o acompanhamento do seu projeto do início ao fim, fornecendo todo suporte necessário. O primeiro passo em seu projeto será marcado pela entrega da sua conta de luz e a localização do seu imóvel. Deste momento em diante as equipes de engenharia com o uso de softwares específicos e imagens de satélite farão o dimensionamento inicial do tamanho do seu sistema fotovoltaico. Nesta etapa tudo será feito de maneira remota, segura e sem qualquer custo.
A AddSol agendará uma visita técnica em seu imóvel para que possamos coletar informações importantes para o detalhamento de seu sistema fotovoltaico, tais como: orientação e inclinação do seu telhado, integridade da estrutura ou laje, bem como verificação da sua entrada de energia e painéis de distribuição. Todas estas informações farão parte de um relatório que será entregue à nossa engenharia para o devido detalhamento.
Uma de nossas equipes treinada e certificada estará encarregada da montagem e instalação do seu sistema fotovoltaico. A maioria das instalações não levam mais que 3 dias. A ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) é o documento fundamental para o início desta etapa. A AddSol cuida do treinamento e proteção dos instaladores mantendo atualizados os certificados para trabalho em altura e com eletricidade conforme NR-35 e NR-10 respectivamente. Trata-se de uma etapa importante para a integridade dos colaboradores e do seu sistema fotovoltaico.
É o nome dado ao processo de regularização de sistemas de micro e mini geração, junto à distribuidora local.
Não havendo nenhum impedimento técnico após os levantamentos iniciais, o seu sistema fotovoltaico detalhado será submetido à sua concessionária, que analisa e aprova o projeto. Com a aprovação e o seu sistema fotovoltaico montado, uma visita técnica da concessionáriavalida o que foi realizado e substitui o antigo relógio de entrada de energia por um relógio bidirecional. É neste momento que seu sistema é ligado e sua conta de luz entra para o regime de compensação de energia elétrica. Economia por mais de 25 anos.
Tendo o sol presente, funciona. Mesmo em dias chuvosos ou nublado. Como usamos equipamentos certificados e de fabricantes que zelam por sua marca, garantimos o sucesso da instalação. As garantias de fábrica são normalmente de 5 anos para o inversor de frequência e 10 anos para os módulos fotovoltaicos que possuem uma garantia adicional que é de 80% de rendimento aos 25 anos de uso.
Cerca de 90% do trabalho é realizado na área externa da edificação e para uma instalação aparente, toda furação necessária é realizada com broca em uma área restrita da sua casa.
Depende do tipo de telhado. Em alguns casos, usamos ganchos. Em outros, furamos com parafusos.
Neste caso, toda energia gerada pelo sistema será entregue para a rede pública de eletricidade, e o relógio bidirecional indicara seus créditos. Os créditos acumulados serão indicados na conta de luz e podem ser consumidos em até 60 meses. A AddSol recomenda o uso do sistema de monitoramento on line para que você verifiquetudo isso remotamente. Saiba que é possível produzir energia em um endereço e consumir os créditos em outro, desde que eles estejam na área de atuação da mesma concessionária.
Praticamente sim, você precisa pagar a taxa mínima e a contribuição de custeio da iluminação pública, o que equivale a uma economia mínima de 95%. A taxa mínima é variável em função do tipo de ligação: monofásica, bifásica ou trifásica sendo 30, 50 ou 100 kWh/mês respectivamente.
Sim, mas o pagamento mensal da tarifa mínima para a concessionária, sai muito mais barato do que a aquisição de um banco de baterias dimensionado para atender a sua necessidade. Pode-se acrescentar a alta manutenção, baixa durabilidade, e problemas com o descarte das baterias usadas como outras desvantagens no uso do banco de baterias, o que não se justifica quando se tem acesso a rede elétrica.
A AddSol oferece um aplicativo que permite a visualização da produção do seu sistema solar em tempo real e os da energia acumulada no seu celular e tablet.
Na falta de luz seu sistema é automaticamente desligado para proteção das equipes de manutenção da sua concessionária. Esta é uma exigência técnica para aprovação do acesso à rede elétrica.
É exatamente em um tempo como este que você fará uso dos creditos acumulados nos períodos de sol. O seu sistema fotovoltaico é dimensionado com base em dados históricos de irradiação solar de um período de um ano que prevê situações semelhantes à esta da sua pergunta.
Longa vida útil. A AddSol usa equipamentos certificados e de fabricantes de renome que zelam por sua marca. Os módulos fotovoltaicos tem uma garantia de 25 anos mas a vida útil supera em muito esta marca. O calcanhar de Aquiles seria o inversor de frequência mas no cálculo do retorno financeiro consideramos a troca do inversor no meio deste período.
Durante o dia os dois estão à sua disposição, mas certamente você estará usando a energia do seu sistema fotovoltaico, e parte da sua produção estará sendo entregue para sua concessionária, o que é transformado em créditos. Durante a noite você estará consumindo os créditos entregues à concessionária durante o dia.
Não necessariamente. Todas as instalações elétricas estão aptas a receber um sistema fotovoltaico, porém, o técnico da AddSol não se conterá em fazer recomendações para melhorar ainda mais a performance das suas instalações, alias nosso negócio é eficiência energética.
Não, muito pelo contrário. Há relato de clientes que sentiram o imóvel mais fresco após a montagem do sistema fotovoltaico sobre sua cobertura. Nossos técnicos não se contiveram e fizeram uma busca sobre o assunto em inglês: "Solar Panels Keep Buildings Cool" e encontraram uma pesquisa realizada pela universidade de San Diego que conclui que a temperatura interna cai cerca de 5 graus Fahrenheit ou 2,5 graus Celsius.
Certamente não, pois o peso do sistema fotovoltaico não supera a faixa entre 15 e 20 kgf/m2, o que é muito pouco, porém a AddSol durante a visita técnica para coletar informações para o detalhamento do seu sistema fotovoltaico fará a verificação necessária.
Dá para um apartamento usar energia solar?
Sim, a ANEEL já permite o compartilhamento de um único sistema por condôminos, além da possibilidade de conectar o sistema com a área comum do condomínio.
A principal causa de diminuição do rendimento de um sistema de energia solar é o acúmulo de sujeira ou queda de algo que obstrua os painéis, como galho de árvore, por exemplo, coisas fáceis de identificar e resolver, já que existe o sistema de monitoramento da geração.
Um sistema ongrid é um sistema de geração de energia interligado à rede elétrica da concessionária local. Ele gera energia para a residência, "injeta" o excedente na rede pública e devolve para o proprietário em forma de desconto na conta de luz ou créditos para serem utilizados em até 60 meses (quando a geração for maior que o consumo). Já um sistema offgrid funciona de forma isolada, sem interligação com a rede da concessionária porque utiliza baterias para armazenar a energia gerada, mas essa é uma opção economicamente inviável e não sustentável.
As regras sobre esse ponto ainda não foram definidas pela legislação, mas a princípio, em uma eventual crise de energia com racionamento (como aconteceu em 2001), quem gera sua própria energia sai em vantagem.